terça-feira, 20 de janeiro de 2009

Não entendo...

Não entendo.
Isso é tão vasto que ultrapassa qualquer entender.
Entender é sempre limitado.
Mas não entender pode não ter fronteiras.
Sinto que sou muito mais completa quando não entendo.
Não entender, do modo como falo, é um dom.
Não entender, mas não como um simples de espírito.
O bom é ser inteligente e não entender.
É uma benção estranha, como ter loucura sem ser doida.
É um desinteresse manso, é uma doçura de burrice.
Só que de vez em quando vem a inquietação: quero entender um pouco.
Não demais: mas pelo menos entender que não entendo.

Clarice Lispector

12 comentários:

New Radical disse...

Ás vezes é bom não entender.
Há coisa que quanto mais tentamos entender menos percebemos.

Kiss

P.S.-O teu blog é muito bom

vício disse...

eu também nintendo! e tu sega?

sonhos/pesadelos disse...

é como o "só sei que nada sei"e ás vezes não se entender certas coisas é preferivel, há doces burrices que muitas vezes nos mostram alegria por momentos, mesmo que ela não dure...
bjs endiabrados

DANTE disse...

Eu só sei que nada sei , e ainda assim , eu é que sei! :D

Jokas :)

Marquês de Sade disse...

Entender que não se entende já é um princípio.

Fica bem!

Ah, adoro esta músisa da Sarah Mclaughlin... E adorei o filme!

Tinta Azul disse...

Acabamos sempre por querer entender...um pouco que seja!

Beijos entendidos :)) Muitos.

susana disse...

não entendas, sente.
su

OnlyMe disse...

New Radical, também acho que, às vezes, é melhor não pensar muito.
Obrigada...
Jinhos :)

vício, eu sou mais online ou pc mesmo! lol
Jinhos :)

Concordo contigo sonhos. É melhor deixar as coisas seguirem o seu rumo e ver até onde vão, sem tentar entender o porquê! Mesmo que sejam doces burrices... ;)
Jinhos :)

OnlyMe disse...

Subiste na minha consideração DANTE! E mai'nada... tenho dito!! lol
Jinhos :)

Marquês de Sade, também é um dos meus filmes preferidos. E a música, adoro simplesmente!
Obrigada pela visita. :)

OnlyMe disse...

Tinta Azul, em certas situações é o que estraga tudo... o desejo de entender!
Jinhos :)

Su, por sentires... é que queres entender! :)

mdsol disse...

Entendamo-nos então!

(gosto da Clarice Lispector..Acho muito boa escolha)
:)))

OnlyMe disse...

mdsol, nós já nos entendemos ;)

(nocturna, não?!... até aí...)

Jinhos :)