sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

E ao anoitecer




e ao anoitecer adquires nome de ilha ou de vulcão
deixas viver sobre a pele uma criança de lume
e na fria lava da noite ensinas ao corpo
a paciência
o amor
o abandono das palavras
o silêncio

e a difícil arte da melancolia

Al Berto

14 comentários:

Lita disse...

Tinha saudades deste espaço.

OnlyMe disse...

Eu também Lita. E de ter saudades da vontade de voltar aqui...

...e obrigada por não te esqueceres dele... e de mim... ;)

Jinhos :)

segredos disse...

um espaço onde me encontro pela primeira vez com palavras expressivas de um viver "um momento" com a Arte de tudo esquecer e, apenas e só, esse momento interessar em inteira dedicação.

obrigado

Nuno Pereira disse...

Voltaste! Com o sol e a alegria em ter-te por cá!

Eu Mesma! disse...

nem sei o que é melhor...
a imagem ou as palavras...

O Báu da Mimi disse...

Olá :)

Não sei se te lembras de mim..
É a Mimi do cantinho da mimi!
O meu blog foi removido :( e aqui está o meu endereço novo..

Espero pela tua visita e que te tornes minha seguidora outra vez, tá!

Beijinhos**

BlueAngel disse...

Beijossssss que bom sentir-te de novo por aqui
Beijos (Big Girl)

Angel in the dark disse...

Vim parar aqui através de outro blog, mas gostei do que li, voltarei mais vezes.
E ao anoitecer tudo pode ser possivel, entre a vida vivida e a pensada...

Angel

. intemporal . disse...

.

. feliz pelo teu re.aparecimento .

.

. ainda que,,, ainda assim .

.

. re.pensar o passo é o trajecto que te proponho . como um sonho .

.

. beijos mil, sempre .

.

. um bom fim de semana .

.

. paulo .

.

MARNUNEFREI disse...

This will astonish you!

ZEITGEIST: ADDENDUM

http://www.zeitgeistmovie.com/

Money as debt

http://www.youtube.com/watch?v=vVkFb26u9g8

project camelot magnetic motor

http://www.youtube.com/watch?v=hkgyY47duCM

AMAZING!!

OZONATED WATER: CURE ANYTHING!

http://www.stoptherobbery.com/

Monatomic Gold

http://monatomicgold.co.uk/index.php

O Profeta disse...

Hoje ofereci as cores da minha paleta
A uma amiga na sua dor
Ouvi seu choro ao meu ouvido
No fatalismo do desamor

Hoje o sono acordou-me
A nostalgia agitou suas asas cinzentas
Esqueci no acordar o ultimo abraço
E contei as nuvens que eram tantas


Doce beijo

Apenas eu disse...

Olá! Passei e encontrei-te que bom!
espero que tudo esteja bem contigo.

escolheste um bonito poema.

um beijo
(percebi que ainda estás meio ausente, volta quando quiseres e quando isso acontecer, não te esqueças de me ir dar um olá! até lá desejo que fiques bem.)

Apenas eu disse...

Olá! Passei e encontrei-te que bom!
espero que tudo esteja bem contigo.

escolheste um bonito poema.

um beijo
(percebi que ainda estás meio ausente, volta quando quiseres e quando isso acontecer, não te esqueças de me ir dar um olá! até lá desejo que fiques bem.)

JB disse...

Sempre gostei do anoitecer e de sonhar nos caminhos desenhados pelas estrelas na pele, no silêncio, nas palavras...

Gostei muito do seu espaço e da sua poesia!

beijinhos