quarta-feira, 18 de março de 2009

Define-te...



De mim apenas um nome e palavras soltas... muitas delas não minhas, mas que poderiam ser, tal a intensidade do seu significado. Só que eles sabem escrever... eu não...

Em tudo o que publico aqui, estou eu nas entrelinhas. Aos poucos me descrevo, me mostro, sem medo de ser julgada. Ora alegre e sorridente, ora triste, cansada e derrotada. É nas palavras, minhas e vossas, que procuro o meu caminho, a minha razão, o meu conforto, as minhas decisões - certas ou erradas - mas decididas por mim. Não gosto que me imponham regras, nem conceitos, nem falsas moralidades - de quem, criadas por quem?! Onde está a pessoa que é dona da verdade plena?! Aquela que eu devo seguir sem me questionar?!

É com os tombos que me levanto, mais forte e mais atenta. Sempre pronta a cair para me erguer novamente. Fraqueza? Cobardia? Não creio! Aprendizagem? - Sim, é o nome que lhe dou! Errado? Talvez! Mas é um direito meu pensar assim, sem influenciar ninguém - tal como não admito que queiram, à força, decidir por mim, fazer-me acreditar na verdade alheia que, em nada, corresponde à minha verdade!

E esta sou eu, nas entrelinhas, para quem me quiser conhecer... alguém que não sabe o que quer... mas sabe o que não quer...

Um rosto na multidão... um coração... uma alma... ora perdida... ora encontrada... certa... ou errada...

Define-te... Aqui estou... Only Me!!


Fotografia: Olhares/Claudia F


19 comentários:

susana disse...

e com uma definição tão forte como essa cabe tudo o que foi dito e o que não foi sequer imaginado. Um abraço. Um belissimo texto.
Su

Milésimo disse...

Ja conheço um milésimo das tuas entrelinhas e vou continuar a espreitar os teus desabafos.
Sei que quando quizer ver algo diferente, é para aqui que vou.
o texto é muito bom mas...

mas...

a parte final está fantastica.

Beijinho pleno de poezia

http://golfnino.blogspot.com/

Milésimo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Nuno Pereira disse...

Sabes o que não queres!
A vida já te deu essa luz, essa maturidade.
Mas dizes que não sabes o que queres.
Eu penso que sabes! Só que em varias ocasiões pedes muito e pouco recebes! E noutras mais, pedes muito pouco e mesmo esse pouco não te é consentido.
Existe também aqueles que te querem dar tudo,mas esse tudo não te enche um cantinho do coração e como tal estão fora da tua verdade.
Acabará por entrar na tua vida aquilo que queres!E como já te disse, estará logo ao virar da esquina!

Eu mesma! disse...

Sabes uma coisa?

Durante muito tempo desesperei por não conseguir definir o que eu realmente queria da vida e de mim própria....

sinceramente....
o mais importante é sabermos o que é que realmente não queremos da vida nem das pessoas :)

Incapaz disse...

Escusavas-te de definir.
Acho que pelos textos que vais colocando te vamos conhecendo e bem.

Lita disse...

Excelente post.
Adorei cada palavra.
Beijo.

DANTE disse...

E tal como eu e todos os outros , és única ;D

Jokas Only :)

Karochinha disse...

OnlyMe, até o nome que te "deste" te define mesmo muito bem, além de toda a sensibilidade que mostras em cada texto que publicas e também a tua inteligência e habilidade com as palavras, és realmente única, és tu e, falando por mim, gosto de ti (de te ler, de cá vir espreitar e saber de ti) assim mesmo como és!

Beijocas

escarlate.due disse...

"Em tudo o que publico aqui, estou eu nas entrelinhas"
gostei desta parte :)
é que é mesmo verdade... seja o que for que escrevemos, lá estamos sempre nas entrelinhas

beijinhos OnlyMe

OnlyMe disse...

susana, agora, pensando melhor, algo ficou por dizer... mas fica sempre...

Jinhos :)

OnlyMe disse...

Milésimo, obrigada pela tua visita e pelas palavras de elogio. Gostei de saber que me achaste diferente... ainda bem... ;)
Jinhos :)

OnlyMe disse...

Nuno, sou assim tão fácil de analisar?! Como me conheces... ;)
Gostei de te ler... muito... obrigada!

Jinhos :)

OnlyMe disse...

Eu mesma! também já cheguei a essa conclusão... realmente, o importante, é ter ultrapassado essa etapa... o saber o que não quero...

Jinhos :)

OnlyMe disse...

Incapaz, sou assim tão transparente?! Ai, que lá vai o meu charme à vida!! loool

Jinhos :)

OnlyMe disse...

Lita, obrigada! Foram sentidas...

Jinhos :)

OnlyMe disse...

Dante, pois somos... que eu não gosto de estar sozinha! (nem sempre acontece...) :D

Jinhos :)

OnlyMe disse...

Karochinha, é bom saber que gostas de mim... lol
Limito-me a escrever o que o meu coração me diz e, muitas vezes, deixo-me ir...

Afinal não sou tão "bicho do mato" como pensava... :p

Jinhos :)

OnlyMe disse...

Mas, escarlate, eu falo sempre verdade... nem que seja a minha! lool

Nunca minto... (nunca digas nunca!!) hehe

Jinhos :)